31 março 2007

Reestruturação do serviço de urgências - Começa a haver fumo branco

Os autarcas dos concelhos de Ansião, Alvaiázere, Castanheira de Pêra, Figueiró dos Vinhos e Pedrógão Grande, reclamaram durante esta semana a criação de um Serviço de Urgência Básica (SUB) para servir as suas populações. Em comunicado, os autarcas defendem a criação de um serviço de urgência no Avelar, no hospital da Fundação Nossa Senhora da Guia, por oposição às propostas avançadas pelo Ministério da Saúde, que apenas prevêem a instalação de SUB em Sertã e Pombal.
Com essa proposta inicial, os utentes de Castanheira de Pêra e Pedrógão Grande teriam de ir para o SUB da Sertã enquanto os restantes poderiam ir para Pombal.
Os autarcas dos cinco concelhos estiveram já reunidos com o ministro da Saúde, Correia de Campos, a quem apresentaram a proposta, que é subscrita também pelas Distritais de Leiria do PS e do PSD.
Os argumentos para a sugestão de Avelar prendem-se sobretudo com a localização central do hospital em relação aos concelhos em causa. No entanto, Correia de Campos rejeitou essa proposta, propondo, em contrapartida, a manutenção dos centros de saúde de cada um dos concelhos a funcionar até às 22h00, podendo existir consultas nocturnas no hospital de Avelar, protocoladas com o Estado.
Quanto às grandes urgências, ficou definido o seu seguimento directo para Coimbra, o ministro comprometeu-se também a colocar na zona uma viatura tripulada por técnicos qualificados, para intervenção rápida em situação de urgência.
Os nossos autarcas pretendem mesmo assim manter a pretensão de colocar um SUB em Avelar, já que essa unidade teria "meios técnicos e humanos" para garantir o atendimento em casos de urgências mais graves.

13 comentários:

Anónimo disse...

deviam era de pensarem um bocado nos bombeiros do distrito norte de Leiria e da populacao em jeral ao irem para o distrito de castelo branco nao tem logica nenhuma mais vale continuarem como estao e manterem os SAP abertos pois quando os bombeiros os transportam nunca se sabe o que vai acontecer no meio do caminho pois que o governo esta a fazer nao tem respeito por ninguem isto e bastante vergonhoso por todos nos

pescador disse...

Partindo do pressuposto de que quando se fala em "colocar na zona uma viatura tripulada por técnicos qualificados", estamos a falar de uma viatura do INEM, equipada com material avançado de suporte à vida, e tripulada com pessoal (pelo menos um médico e um enfermeiro) formados pelo INEM, não me parece que a proposta do Sr. Ministro vá piorar a realidade existente hoje em dia, muito pelo contrario…

Anónimo disse...

e parece que Pedrógão Grande vai ficar com menos um médico...

Anónimo disse...

nos links voces esqueceram-se da pagina da Camara de Pedrogao.

rmc gonçalves disse...

Página da câmara de pedrógão?! isso lá existe, quanto ao tema, o pescador tem razão, se houver uma viatura com um médico e um enfermeiro para a região, estacionada em pedrógão ou figueiró dos vinhos, é muito melhor que a situação que temos hoje em dia. não nos esqueçamos no entanto que são precisos 3 médicos e 3 enfermeiros para que esta viatura fique operacional 24 horas por dia, o que pela falta de médico que parece haver, eu ache que tal medida não se concretizar´+a, ficando talvez a viatura mas com bombeiros, o que é mau, proque estes só têm noção de primeiros socorros, no fium de contas vai e é tudo para coimbra, assim sinceramente preferia ir para a sertãacontecer

Anónimo disse...

rmc gonçalves, quer ir para a sertã fazer o quê?

tótó disse...

página!? veremos qd e q a montanha vai parir o rato.
em relacao as urgencias, e melhor q tudo continue como esta, pq se melhorarem os cuidados de saude podem descobrir algumas doenças do concelho e o diagnostico nao ira agradar a quem tanto gosta da forma como ele funciona.

Anónimo disse...

"pq se melhorarem os cuidados de saude podem descobrir algumas doenças do concelho e o diagnostico nao ira agradar a quem tanto gosta da forma como ele funciona" E QUE DOENÇAS....

Anónimo disse...

"colocar na zona uma viatura tripulada por técnicos qualificados",
uma viatura do INEM, só se for as inscrições de algumas ambulâncias que existem no parque de viaturas dos Bombeiros, 3 médicos e 3 ernfremeiros dá para acreditar mais depressa que o pai natal se veste de verde e anda de trotinete

antonio disse...

Muitos pensamentos e muitas ideias podemos ter acerca deste assunto, mas deixem-me colocar a seguinte questão:

O direito à saùde não está consagrado na constituição?

Afinal o que estamos a discutir, não compreendo, não será obrigação do estado proporcionar aos cidadãos as melhores condições de saúde possiveis?

Se os governantes estão longe e não nos podem ouvir, o que dizer dos representantes por nós eleitos ao nivel local?

Não seria legitimo pedirmos satisfações a esses senhores?

Não será este tipo de poder aquele que mais perto tem de estar das populações e ouvir "in loco" as suas necessidades, ou está de tal forma subvertido que já não sabe para o que serve?

Acordem meus senhores e sirvam as populações que os elegeram, parem de se servir delas, assim mais cedo ou mais tarde não haverá povo para os eleger.

Zyklon BBBBBBBBBBBB disse...

Devia era ir tudo para a cambra de gas. Acabava-se de uma vez com o defice

mary ann disse...

Afinal onde esta o progresso... tentam diminuir tudo.. Avelar nao e suficiente e os centros locais devem funcionar ou ter alguem diariamente 24 horas os Concelhos merecem melhor as pessoas merecem e e condiçao essencial cuidar da saude...capixi.......

Anónimo disse...

atão o cavalo branco não faz nada! o que tá a fsazer espetado em leiria! NADA!