20 abril 2006

Reportagem TSF sobre o Coentral (Castanheira de Pêra)

Será transmitida na próxima sexta-feira, 21 de Abril, na rádio TSF (107.4Mhz) uma reportagem sobre a freguesia de Coentral (Castanheira de Pêra), a reportagem intitulada por “A minha aldeia já foi grande” é um trabalho que pretende dar a conhecer o peso que esta remota localidade perdida nas entranhas da Serra da Lousã teve em tempos para o nosso País.
Uma reportagem para seguir e ouvir atentamente por volta das 19h15m na TSF.

ACTUALIZAÇÃO: Se não pôde acompanhar a reportagem à hora indicada clique aqui, poderá assim ouvir a reportagem no seu computador.

5 comentários:

limpysweet disse...

apesr da rádio já não ter o peso que tinha antigamente, é uma boa noticia. dar a conhecer ao País que em tempos fomos GRANDES, e só nos tornamos pequenos devido à condição de beirões do interior.

O Observador disse...

Se desejar ouvir a reportagem leia o artigo original.

alertaconstrutiva disse...

Só pelo facto de ser reconhecido o mérito a uma das aldeias (que apesar de actualmente esquecida) foi uma das mais importantes da região. Parabéns à TSF e parabéns ao Turtúlia!
Pisar a neve vezes sem conta dentro de poços largos e fundos, tornando-a num gelo altamente compactado, que depois era levado em carroças para a capital é simplesmente fantástico!! Sinto-me algo ignorante por ainda não ter conhecido toda esta história de trabalho, suor e lágrimas. Ouçam a reportagem, vão ver que não é tempo perdido.

Anónimo disse...

Já a corte gostava de uma bebida gelada! O Coentral é de facto uma local a não deixar de assinalar. Também é referir o grande valor da população residente e não residente a tempo inteiro. O que demonstra que o trabalho, o suor e as lágrimas dão frutos e que começar por baixo pode dar uma grande satisfação e prazer no fim. O amor a este local está comprovado pelas várias gerações inclusive os mais novos, pelos os encontros e convívios que fomentam entre eles nos quais apenas um participei, mas que deu para ver o orgulho e amizade que há entre os seus conterrâneos. Salientar o tertúlia do pinhal e a TSF por dar a conhecer gentes e locais.

Bruno Antunes

Anónimo disse...

Sou Coentralense e com muito orgulho !! :-)